Ariquemes (RO), 24 de agosto de 2019

Mundo

Mike Pompeo 04/04/2019 16:38 FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DA CBN NEWS

"Minha fé em Jesus faz muita diferença", diz secretário de Estado de Trump

Mike Pompeo conta que de todas as suas conquistas, o ponto mais alto de sua trajetória foi quando entregou sua vida a Jesus.

O secretário de Estado, Mike Pompeo, é o homem que está no centro de tantas questões complexas e vitais que os Estados Unidos enfrentam atualmente. Mas algo que permanece firme e tem o ajudado a atravessar qualquer situação é a sua fé cristã.

A vida de Pompeo até agora inclui uma lista crescente de realizações: Escoteiro Águia, foi o primeiro em sua turma na West Point; graduado pela Harvard Law School; congressista do estado do Kansas e o primeiro americano a ter os melhores cargos na CIA e no Departamento de Estado. No entanto, ele ainda considera como o ponto mais alto de sua trajetória uma decisão fiel feita por ele na faculdade: seguir a Jesus Cristo.

"Eu cresci indo à igreja aos domingos, mas francamente não era uma prioridade na minha vida", disse Pompeo à CBN News. "Fui para West Point e, como jovem cadete, durante meu primeiro ano, havia dois jovens que eram juniores que eram verdadeiros homens de fé. E eles realizavam esses pequenos estudos bíblicos, com bolinhos nas tardes de domingo e convidavam a todos os cadetes para participarem".

"Comecei a frequentar as reuniões", explicou Pompeo. "Eu também comecei a ir à igreja todo final de semana por minha própria vontade, porque queria estar lá para aprender e crescer, e em algum momento durante o primeiro ano, eu realmente vim a ter uma compreensão de Jesus, que era diferente da que eu tinha antes. Isso mudou fundamentalmente a minha vida ".

Atualmente, Pompeo tem se empenhado para exercer seu importante papel como secretário de Estado no governo Trump. Muitas questões enfrentadas por ele se relacionam com sua fé, como tentativas de paz no Oriente Médio, perseguição religiosa em todo o mundo e muito mais. Ele não esconde o elemento de fé como testemunhado por alguns de seus comentários durante sua recente coletiva de imprensa conjunta com o primeiro-ministro israelense Benjamin Netayahu em Israel.

"Tenho orgulho de estar aqui novamente, não apenas como o principal diplomata dos EUA, mas também como um homem de fé", disse ele a Netayahu e à mídia reunida na ocasião.

Batalhas

Este não é um novo território para Pompeo. Em 2015, como congressista do Kansas em uma igreja, ele pregou sobre a batalha cultural que enxergava anos à frente.

"Continuaremos a lutar essas batalhas, é uma luta sem fim ... até o arrebatamento", disse Pompeo.

Durante seu tempo no Capitólio, o ex-professor da Escola Dominical falou em tom religioso sobre o terrorismo islâmico radical.

"Eu lhe direi que é absolutamente uma minoria dentro da fé muçulmana, mas essas pessoas são sérias e abominam os cristãos e continuarão a nos pressionar até que tenhamos certeza de que oramos e lutamos e nos certificamos de que sabemos que Jesus Cristo é o nosso salvador e verdadeiramente a única solução para o nosso mundo ", avisou Pompeo.

Como diretor da CIA, ele participou de estudos bíblicos regulares e, como secretário de Estado, recebeu a primeira conferência mundial do Departamento de Estado sobre liberdade religiosa. Ele também fez da fé parte de seu primeiro grande discurso como o principal diplomata do país durante uma visita ao Cairo, Egito.

"Somos todos filhos de Abraão: cristãos, muçulmanos, judeus", disse Pompeo. "No meu escritório, mantenho a Bíblia aberta na minha mesa para me lembrar de Deus e da sua palavra e da verdade".

Em recente entrevista para a CBN News, Pompeo respondeu ao repórter Chris Mitchell, da CBN, que Trump tem um papel de grande significado, assim como ‘a Rainha Ester, para ajudar a salvar o povo judeu da ameaça iraniana’.

“Eu certamente acredito que isso é possível. Estou confiante de que o Senhor está trabalhando aqui", Pompeo nos disse.

Fé em Jesus como guia

O secretário de Estado também recebe críticas por falar abertamente sobre sua fé cristã.

Mas para Pompeo, sua visão de mundo é constituída por sua fé e não há como separar as duas. É quem ele é e é algo que realmente se manifesta em sua vida.

"É claro que minha missão agora é como secretário de Estado, a coisa que levantei minha mão direita para fazer, jurei apoiar e defender a Constituição dos Estados Unidos e já fiz isso agora um punhado de vezes - primeiro como soldado, depois, como membro do Congresso, depois como diretor da CIA, agora como secretário de Estado ", explicou.

"Mas em cada uma dessas missões, a tarefa que tenho é também executada pela minha compreensão da minha fé, minha fé em Jesus Cristo como o Salvador ... Eu acho que isso faz muita diferença, e então eu quero que as pessoas saibam disso", continuou Pompeo.

"É por isso que eu falo sobre a minha fé. Quero que as pessoas conheçam a perspectiva que estou trazendo para os desafios no trabalho que enfrento, e também requer que eu tente me manter dentro dos padrões que os cristãos buscam", acrescentou.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo