Brasil

05/04/2019 17:55

Aeronave pode ser utilizada em casos de atendimento médico de urgência; estado de saúde e distância denem prioridades

O serviço da aeronave foi acionado pelo Samu para prestar socorro à mulher de 41 anos. O
helicóptero pousou na BR-153 para fazer o resgate da vítima.
As polícias civil e militar deram suporte à operação, inclusive interrompendo o tráfego na
rodovia para que o resgate pudesse ser feito. Uma vez dentro do helicóptero, a paciente
chegou ao Hospital Geral de Palmas (HGP) em 18 minutos, onde recebeu atendimento
médico a tempo e passa bem.
Por terra o trajeto entre Nova Rosalândia e a capital levaria cerca de 1h45, o que poderia
agravar a situação da paciente. Entretanto, o mesmo tipo de atendimento não parece ser
oferecido a todos as vítimas de algum problema de saúde que precisam de atendimento
médico com urgência na rede pública de saúde

“A aeronave do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) é operada por equipe
multimissão, em apoio às atividades das polícias Civil e Militar, do Corpo de Bombeiros
Militar e de entidades governamentais e de Defesa Civil, que contemplam desde o
policiamento ostensivo e investigativo, ao salvamento, combate a incêndios e transporte
aeromédico de enfermos e órgãos humanos, conforme previsão, dentre outros
instrumentos, do Código Brasileiro Aeronáutico, do Regulamento Brasileiro de Homologação
Aeronáutica n. 91 e da Portaria 2.048, do Ministério da Saúde”, esclareceu.
A SSP também informou que, entre os critérios para decidir pelo uso do helicóptero em
socorro às vítimas, estão o estado de saúde do paciente e o tempo de deslocamento até o
local de atendimento médico em decorrência da distância.
O atendimento dos casos, segundo a Secretaria, é definido pela Central de Regulação
Médica, composta por equipe especializada, e que, além de tripulação, a aeronave mantém
a bordo médico e enfermeiro, que levam os equipamentos necessários à realização da
missão.
“Atualmente, a grande maioria destes atendimentos é feita com a intervenção do Samu de
Palmas, com o qual a SSP mantém acordo de cooperação”, finaliza a nota da secretaria. A
SSP não informou no entanto o número de atendimentos deste tipo que já foram realizados
com apoio do helicóptero do Ciopaer.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo